Juíza diz que imóvel não é de Malouf e recusa bem em garantia

MIDIA NEWS A Justiça negou o pedido do empresário Alan Malouf, sócio do Buffet Leila Malouf e réu em processos por desvios de recur...



A Justiça negou o pedido do empresário Alan Malouf, sócio do Buffet Leila Malouf e réu em processos por desvios de recursos públicos, para incluir um apartamento avaliado em R$ 2,4 milhões na lista de bens dados como garantia para eventual ressarcimento ao erário.

A decisão é juíza Célia Regina Vidotti, da Vara Especializada em Ação Civil Pública e Ação Popular.

A defesa do empresário - já condenado a 11 anos de prisão por esquemas na gestão de Pedro Taques - ofertou o imóvel para que fosse substituído pelo bloqueio de contas do empresário. A decisão consta na ação civil pública oriunda da terceira fase da Operação Sodoma.

O imóvel mencionado pelo requerido e ofertado como garantia, na verdade, não mais lhe pertence, portanto, não é hábil para a garantia

Na ação ele é suspeito de ter colaborado em um suposto esquema em que o Estado pagou uma desapropriação em uma área do Bairro Jardim Liberdade, em Cuiabá, no valor de R$ 31,7 milhões à empresa Santorini Empreendimentos Imobiliários.

“Diante do exposto, indefiro o pedido de substituição do bem sobre o qual recaiu a indisponibilidade decretada nesta ação em relação ao requerido Alan Malouf”, decretou a magistrada, em decisão publicada na quinta-feira (23).

A magistrada cita que no acordo de delação premiada realizada com a Procuradoria-Geral da República, referente a Operação Rêmora, consta que o imóvel já foi dado como garantia de ressarcimento ao erário.

“O imóvel mencionado pelo requerido e ofertado como garantia, na verdade, não mais lhe pertence, portanto, não é hábil para a garantia que se buscou com a decretação da indisponibilidade nesta ação”, disse.

"Ademais, em razão da isonomia, a situação é semelhante a dos requeridos Silval Barbosa e Pedro Nadaf, em relação a existência de acordo de colaboração premiada. Na hipótese, foi proferida decisão sobre a necessidade de manter a indisponibilidade de bens para o adimplemento da penalidade de multa pela prática de ato de improbidade administrativa".

A delação à qual a juíza se refere diz respeito a investigações da Operação Rêmora. O empresário firmou acordo com o Ministério Público Federal (MPF) para devolver R$ 5,5 milhões aos cofres públicos.

A juíza Célia Vidotti, que negou pedido da defesa de Alan Malouf

A Operação Rêmora desarticulou um esquema de fraudes em diversas licitações da Seduc para construção e reforma de escolas, por meio da exigência de propina aos empresários que formavam o cartel.

Na delação, o empresário citou a participação do ex-governador Pedro Taques e do ainda deputado federal Nilson Leitão, ambos do PSDB.

Operação Sodoma III

São acusados no esquema o ex-governador Silval Barbosa, o ex-secretário de Estado Pedro Nadaf; o ex-presidente do Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat), Afonso Dalberto (que é delator); e o procurador do Estado aposentado Francisco Lima Filho, o "Chico Lima".

Além deles, também respondem o ex-secretário de Fazenda Marcel de Cursi, o ex-secretário de Planejamento, Arnaldo Alveso, o ex-chefe de gabinete de Silval, Silvio Araújo; o advogado Levi Machado de Oliveira; o ex-presidente da Metamat, João Justino Paes de Barros; e os empresários Antônio Rodrigues Carvalho e Valdir Piran.

Alan Malouf, segundo as investigações, teria recebido dinheiro oriundo de propina do esquema, no valor de R$ 1 milhão. 

Ele teria “lavado” dinheiro de propina dados por Nadaf e Arnaldo, por meio de serviços do Buffet Leila Malouf.
Nome

Destaque,2,ESPERANDO,1,Fotos e eventos,177,Geral,3409,PAPO DE ESQUINA,6,Política,1534,Regional,2232,Rosário Oeste,1930,Variedades,2926,Videos,950,
ltr
item
Biorosario Notícias: Juíza diz que imóvel não é de Malouf e recusa bem em garantia
Juíza diz que imóvel não é de Malouf e recusa bem em garantia
http://www.midianews.com.br//storage/webdisco/2016/11/22/886x590/7f5ff7024a4c073ca2d7b9defbc962aa.jpg
Biorosario Notícias
https://www.biorosario.com.br/2019/01/juiza-diz-que-imovel-nao-e-de-malouf-e.html
https://www.biorosario.com.br/
https://www.biorosario.com.br/
https://www.biorosario.com.br/2019/01/juiza-diz-que-imovel-nao-e-de-malouf-e.html
true
7773387971014822502
UTF-8
Carregando posts Nenhum post foi encontrado Ver todos Leia Mais Responder Cancelar Excluir Por Inicio PÁGINAS POSTS Ver Todos RECOMENDADO PARA VOCÊ CATEGORIA ARQUIVO BUSCAR TODOS Não foi encontrado nenhuma correspondente à sua busca! Voltar ao início Domingo Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb January February March April May June July August September October November December Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Seguir ESTE CONTEÚDO É PREMIUM Please share to unlock Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy