Header Ads

Quadrilha que praticava crimes em Arenápolis foi presa pela polícia militar.



Após vários Roubos acontecidos em Arenápolis nos últimos dias, a polícia obteve a informação de que os suspeitos de cometerem os roubos poderiam estar se escondendo em uma residência do município. 

Segundo informações enviadas a pagina "notícias de Arenápolis e região", Nesta data de 23/01/2019, Policiais Militares de Arenápolis em conjunto com a PM de Nortelândia em cumprimento o cronograma da operação VERANUM deslocaram até uma residência no bairro Vila Nova, próximo ao colégio Alfredo granja, afim de averiguar a informação recebida. 

Ao chegar e realizar a abordagem nos ocupantes da referida residência obtiveram êxito em identificar um dos suspeitos dos roubos de nome R.A.P.S, 15 anos, morador da cidade de Cuiabá, a o qual confirmou participação nos crimes. 

Na casa a polícia conseguiu também localizar um capacete e as roupas utilizadas no crime de roubo na drogaria Arenápolis. O suspeito R.A.P.S, de 15 ano, confessou que foi ele quem cometeu o assalto em companhia de outra pessoa conhecido como "Paraná". 

Com a detenção deste suspeito a polícia fez diligencias pela cidade e conseguiu localizar o suspeito conhecido como "Paraná, o qual foi identificado como Carlos Daniel Teixeira de Almeida, de 18 anos. O suspeito confessou para a polícia ter participado no roubo Drogaria Arenápolis e que também teria praticado um furto em residência, no bairro Bela Vista, próximo ao colégio 25 de Outubro. 

Em continuidade a essa diligência a polícia ainda aprendeu mais dois menores que também tiveram participação nos furtos na região de Arenápolis, sendo eles: V.C.S, de 15 anos, morador do bairro Vila rica e M.P.B.F, de 17 anos, morador do bairro Bela vista. 

Durante a apreensão do menor M.P.B.F a polícia localizou próximos a ele, dinheiro e um pedaço de maconha. 

A polícia também informou que todos os presos confessaram a participação nos crimes. 

Além dos quarto detidos, foi informado para os policiais que o líder da quadrilha não mora na cidade e que fornecia as armas e as motocicletas para os jovens efetuarem os roubos. Questionados sobre isso, os detidos não souberam informar nome nem como encontrá-lo. 

Durante a operação foram apreendidas munições, drogas, dinheiro advindo de tráfico e um simulacro usado nos crimes que os bandidos perderam durante um roubo acontecido no bairro Bela Vista. 

Nossos parabéns a polícia militar.

   
Tecnologia do Blogger.