Propaganda

Mulher é presa ao tentar levar televisão recheada de celulares para a cadeia

Hipernoticias

Agentes penitenciários da unidade prisional de Chapada dos Guimarães apreenderam neste domingo (31.03) uma televisão recheada com aparelhos celulares e detiveram Luciana de Lima Asato, mulher de um reeducando da cadeia. A direção da unidade recebeu denúncia anônima de que haveria tentativa de levar celulares para dentro da cadeia. Durante a revista dos materiais levados pelos visitantes, os agentes encontraram na parte interna da televisão 11 celulares, seis carregadores, cinco chips de telefonia e quatro fones de ouvido.

Ainda no domingo, outra mulher foi detida tentando entrar com um celular desmontado e porções de entorpecente escondido nas partes íntimas. Thaliely Matos Barbosa foi encaminhada à delegacia.

O diretor da unidade de Chapada dos Guimarães, Amilton Nascimento, destaca que o olhar atento dos servidores durante as revistas é fundamental para que materiais ilícitos não cheguem aos presos.

As duas mulheres e os materiais foram encaminhados à Delegacia da Polícia Judiciária Civil.

Rondonópolis

No período de visitas na manhã deste sábado (30.03), na Penitenciaria Major Eldo Sá Corrêa, em Rondonópolis, agentes penitenciários detiveram Larissa Cristina Oumester Rocha, que estava com porções de substância análoga a cocaína escondida no bojo do sutiã.

Durante a revista, a mulher demonstrou nervosismo e, ao ser indagada, confessou que estava com algumas embalagens de drogas e que entregaria para seu marido.

A mulher retirou o entorpecente e depois foi encaminhada à 1° Delegacia de Polícia Civil para as providências cabíveis. 

Outra visitante foi flagrada no domingo tentando entrar com chips de telefonia. Maria Aparecida Girolli estava com quatro chips escondidos no sutiã, que foram detectados durante revista no escâner corporal.

Na noite de sexta-feira (29.03), duas pessoas se aproximaram do muro lateral da penitenciária e arremessaram objetos para dentro da unidade. Agentes penitenciários que ficam nas torres de vigilância alertaram os colegas de pátio que saíram em busca e conseguiram apreender um adolescente, pego numa rua próxima à unidade prisional. Ele informou que jogou os celulares pelo muro em pacotes nos quais foram encontrados 14 aparelhos e carregadores.

O rapaz foi encaminhado à delegacia da Polícia Civil de Rondonópolis. 

Alto Garças

Na cadeia de Alto Graças (366 km ao sul de Cuiabá), agente feminina encontrou substância análoga à maconha escondida na roupa íntima de Rosângela Passos, esposa do reeducando Jonathan Correia. Ela foi encaminhada à delegacia, onde foi registrado o flagrante por tráfico de drogas.

Alto Araguaia

Na cadeia de Alto Araguaia (426 km ao sul de Cuiabá), Danila Rodrigues da Silva foi detida depois de tentar entrar com substância entorpecente que seria entregue ao marido que está preso na unidade. A mulher foi levada a uma unidade de saúde, onde um exame de raio x constatou que ela tinha uma porção de drogas nas partes íntimas.

Danila foi encaminhada à delegacia junto com o material ilícito.