Assessor de Bolsonaro alega "pobreza" e pede Justiça gratuita

Folhamax O Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), por meio de decisão monocrática da desembargadora Maria Aparecida Ribeiro, ne...


galli.jpg

Folhamax

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), por meio de decisão monocrática da desembargadora Maria Aparecida Ribeiro, negou o requerimento de justiça gratuita formulado pelo assessor Especial da Presidência da República, o ex-deputado federal Victório Galli (PSL-MT), que atualmente remuneração na ordem de R$ 16,9 mil. O pedido é referente ao andamento do processo, no qual foi condenado em 1ª instância ao pagamento de R$ 100 mil em danos morais, por declarações consideradas homofóbicas. A decisão é do dia 31 de maio e foi publicada no Diário de Justiça Eletrônico (DJE) desta segunda-feira (3).

Ao negar o recurso, a magistrada elencou que Galli teve rendimentos na ordem de R$ 430,6 mil no ano de 2018 e que, devido a isso, é preciso que haja a apresentação de provas, que fundamentem a concessão da gratuidade. “Ocorre que, sendo o autor ex-deputado Federal, atualmente ocupante de cargo comissionado com salário de valor significativo e que, no ano-calendário de 2018, auferiu a quantia de R$ 430.597,48, faz-se mister a comprovação da sua alegada incapacidade financeira para fazer frente às custas processuais, sobremodo porque o valor do depósito de 5%, a princípio, não se revela excessivo considerando o montante do proveito econômico a ser obtido na rescisória. Posto isso, determino ao requerente que, no prazo de 15 dias, emende a petição inicial colacionando a documentação faltante e comprove a sua hipossuficiência, sob pena de indeferimento da petição inicial”, determinou.

Além de pedir a concessão de gratuidade, o ex-deputado também solicitou uma liminar com pedido de Não Fazer, para que não seja obrigado a pagar a indenização moral aplicada pela magistrada. Ele chegou a citar que não possui condições de pagar a sentença e que ainda possui dívidas de campanha.

Victório Galli foi processado pela Defensoria Pública após fazer diversas declarações, no ano de 2017, acerca das personagens de personagens da Disney. Segundo ele, a produtora estava realizando doutrinação homoafetiva, por meio de suas personagens Mickey e Simba, o Rei Leão. Na época, ele chegou a citar que a Disney era um “zoológico de veados”.

A Defensoria então ajuizou a ação com pedido de indenização moral no valor de R$ 500 mil. O caso foi analisado e julgado pela juíza da Vara Especializada em Ação Civil Pública e Ação Popular, Célia Regina Vidotti. Ela acatou o caso, mas impôs o pagamento de indenização em R$ 100 mil, que, caso confirmado em 2ª instância, deverá ser destinado a entidades que atuem em prol de LGBTs (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais).
Nome

Destaque,2,ESPERANDO,1,Fotos e eventos,190,Geral,5570,PAPO DE ESQUINA,6,POLICIA,273,Regional,2553,Rosário Oeste,2125,Variedades,3273,Videos,1146,
ltr
item
Biorosario: Assessor de Bolsonaro alega "pobreza" e pede Justiça gratuita
Assessor de Bolsonaro alega "pobreza" e pede Justiça gratuita
https://www.folhamax.com//storage/webdisco/2019/02/11/395x253/fd5f1e78451fde164644b957cbfcc368.jpg
Biorosario
https://www.biorosario.com.br/2019/06/assessor-de-bolsonaro-alega-pobreza-e.html
https://www.biorosario.com.br/
https://www.biorosario.com.br/
https://www.biorosario.com.br/2019/06/assessor-de-bolsonaro-alega-pobreza-e.html
true
7773387971014822502
UTF-8
Carregando posts Nenhum post foi encontrado Ver todos Leia Mais Responder Cancelar Excluir Por Inicio PÁGINAS POSTS Ver Todos RECOMENDADO PARA VOCÊ CATEGORIA ARQUIVO BUSCAR TODOS Não foi encontrado nenhuma correspondente à sua busca! Voltar ao início Domingo Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb January February March April May June July August September October November December Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Seguir ESTE CONTEÚDO É PREMIUM Please share to unlock Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy