Propaganda

ARENÁPOLIS: Golpistas fingem ser policiais para extorquirem vitimas.

Mais uma nova modalidade de GOLPE PELA INTERNET.

Uma vítima de Arenápolis informou que conheceu uma mulher pelo facebook e que então ela lhe passou seu numero de telefone e começaram a se conhecer pelo aplicativo Whatsapp.

Durante as conversas, por mensagem, a vitima trocou fotos intimas com a suposta pretendente e lhe enviou alguns nudes.

Passado alguns dias um outro número de telefone entrou com contato com a vitima, através de mensagens via Whatsapp.

Nas mensagem o suspeito (que usava uma um logo da policia em seu perfil) se identificou como sendo policial e disse que ele estava sendo denunciado por pedofilia por ter mandado nudes para uma menina e que ele seria preso e pegaria de 8 a 12 anos de cadeia.

Apos ser informado que poderia ser preso a qualquer momento, o golpista lhe pediu o valor de 12 mil reais para não prende-lo.

A vitima disse que não tinha como conseguir a quantia exigida , então o suspeito baixou o valor pra R$1.500,00.

A vítima procurou um advogado que lhe orientou que se tratava de um golpe

O boletim foi registrado na delegacia de Arenápolis.

Por Notícias de Arenápolis e Região.