Plantão

Dono de Auto Escola acusado de assassinato já está na cadeia de Diamantino


04/11/2019 - Paulo Henrique Burin, 49 anos, conhecido como Paulinho da Autoescola, suspeito pela execução dos tangaraenses Thiago Luiz da Silva e Eldes Fernandes dos Santos, em Diamantino, se entregou agora há pouco a Polícia Judiciária Civil daquela cidade.

Paulinho prestou depoimento a autoridade policial, foi submetido a exame de corpo de delito, passou por audiência de Custódia perante o juízo criminal daquela cidade e foi levado para a cadeia Pública de Diamantino.

Por: A Bronca Popular e Portal Arenápolis