Propaganda

Projeto Água para o Futuro é apresentado ao município de Nobres

O município de Nobres, distante 101 Km de Cuiabá, deve ser o terceiro do Estado de Mato Grosso a implantar o projeto “Água para o Futuro”, que busca garantir segurança hídrica e o abastecimento de água potável por meio da identificação, preservação e recuperação de nascentes. Em Nobres, importante polo turístico, já foram identificadas 2.390 possíveis nascentes.

Nesta quinta-feira (22), o promotor de Justiça Marcelo Vachiano e a equipe técnica do projeto reuniram-se com a promotora de Justiça de Nobres, Rhyzea Lucia Cavalcanti de Morais, com o prefeito da cidade, Leocir Hanel e empresários do grupo Votorantim e Sindicato das Indústrias de Calcário para discutir a viabilização da iniciativa.

De acordo com a promotora de Justiça Rhyzea Lucia Cavalcanti de Morais, o prefeito sugeriu que, inicialmente, a área de atuação do projeto fique restrita às nascentes localizadas na região onde estão os atrativos turísticos. A priorização busca assegurar a preservação imediata desses locais.

“Após assistir a apresentação do projeto, o prefeito ficou de formalizar o interesse ao procurador-geral de Justiça para celebração de um termo de cooperação técnica. Os empresários do município também serão contatados para efetivação de parcerias”, esclareceu a promotora de Justiça.

NACIONAL – O projeto Água para o Futuro, desenvolvido pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso, já foi expandido para outras 17 unidades da federação, após acordo de cooperação firmado entre o Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) e o MPMT, em outubro de 2018. O acordo permitiu que outros estados pudessem ser beneficiados e passassem a utilizar a ferramenta.

O promotor de Justiça Marcelo Caetano Vacchiano destacou que o projeto tem sido divulgado pelo Brasil em razão do apoio do procurador-geral de Justiça do MPMT, José Antônio Borges Pereira e do procurador Luiz Alberto Esteves Scaloppe, em atenção inclusive a termo de cooperação firmado entre MPMT e CNMP para transferência de metodologias para os demais estados.

MP-MT