Propaganda

Sandy e Júnior vão ao Domingão e desabafam sobre infância “privilegiada”

Sandy e Júnior
Fonte: RD1

Sandy e Júnior fizeram a última apresentação em um programa de TV, antes de encerrar a turnê Nossa História, no Domingão do Faustão. Ontem (3), a dupla lembrou os hits que marcaram os 30 anos de carreira e ainda conversou com o apresentador.

Na atração, os irmãos reconheceram que tiveram uma formação privilegiada e agradeceram aos pais pela educação.

“Por mais que a gente tenha muita consciência de que, no país em que a gente vive, o tipo de vida que a gente tem é muito privilegiado, é muito fora do padrão do brasileiro médio. A gente tem muita consciência disso, e por isso foi muito importante que os nossos pais estivessem do nosso lado, colocando os nossos pés no chão”, disse Júnior.

“E deixando muito claro que a gente sai do palco, com todas aquelas luzes, e ali atrás a vida é exatamente igual à de todo mundo. Você passa mal, tem de pegar fila. Não querer estar privilegiado. Tem fila? Então tem fila para todo mundo”, comentou ele.

“Isso fez muita diferença para a gente manter os pés no chão com a vida muito maluca que a gente teve. Eu sou muito grato, e sei que ela também, aos nossos pais”, completou o cantor.

Sandy concordou com o discurso: “Foi para ajudar a gente a preservar nossa infância, nossa adolescência. E até garantir que a gente tivesse uma vida pessoal, viver as coisas normais dos adolescentes, das crianças. Isso foi muito importante para a gente. A família foi sempre muito unida, e a gente sempre pôde contar com pessoas que amavam a gente de verdade e não estavam ali por qualquer tipo de interesse”.

A cantora, inclusive, agradeceu ao irmão pelo trabalho com a turnê. “Quero agradecer ao meu irmão que, nesse momento, é minha dupla nesse momento de novo e agradecer por ele ter vivido comigo esse capítulo dessa nossa história”, disse ela.