Plantão

Cuiabá usará antigo PS e UPA para abrigar infectados da Covid-19



A estrutura do antigo Hospital e Pronto Socorro de Cuiabá, que fica no Centro, vai ter uma ala especial para atender pacientes com suspeita de coronavírus. O quarto andar ficará disponível só para esse tipo de atendimento.

A unidade de saúde seria fechada em abril para passar por reforma e depois se tornar Hospital da Família, com maternidade. No entanto, com a pandemia de Covid-19, os planos mudaram e a unidade vai continuar funcionando para atender esses casos.

A UPA (Unidade de Pronto Atendimento), do Bairro Verdão, na capital, também será destinada exclusivamente para atender os casos de suspeita da doença. A UPA, que está com a obra atrasada, já que a previsão era entregá-la em dezembro de 2019, tem previsão de ser inaugurada na próxima semana.

A Unidade de Pronto Atendimento não deve receber pacientes com outro sintomas, exceto os com coronavírus. São eles, febre, tosse e falta de ar.

As medidas constam no decreto do prefeito Emanuel Pinheiro, do MDB, publicado na quinta-feira (20). Além disso, o prefeito determinou a suspensão do transporte coletivo, o fechamento dos comércios, e o trabalho em casa aos servidores públicos. No entanto, neste sábado (21), a Justiça determinou o transporte dos profissionais da saúde, para garantir os atendimentos.

O decreto determina o fechamento de estabelecimentos, como shoppings centers, restaurantes, bares, lanchonetes, templos, igrejas, academias, clubes, feiras livres e exposições. Já os postos de combustíveis devem funcionar de segunda a sábado, das 7h às 19h, exceto feriados.

Em Mato Grosso, foram registrados dois casos por Covid-19. Tem 73 casos suspeitos sob investigação.

Fonte: folhamax