Plantão

Enfermeiro virtual faz análises médicas gratuitas sobre o coronavírus



Nesta quinta-feira (19), duas empresas privadas lançaram uma nova plataforma digital para ajudar usuários a entenderem se podem, ou não, estarem infectados pelo novo coronavírus.

Desenvolvida pela startup de medicina Axonn Health Tech junto a agência Pixit, o CoronaBR apresenta tópicos para esclarecer simples dúvidas, como as formas que o coronavírus é transmitido, até orientações para denunciar uma notícia falsa.

O destaque, no entanto, é o serviço de um enfermeiro virtual chamado Pedro. Com perguntas simples, o bot solicita informações básicas ao usuário sobre quais os sintomas apresentados, se consome medicamentos e corresponde a um grupo de risco. As perguntas são baseadas em questionamentos feitos por médicos em consultas reais.

A partir das respostas, o enfermeiro aponta se o caso é suspeito ou não e orienta se o participante deve procurar ajuda médica. Ao final do teste, a plataforma ainda apresenta uma relação de tópicos divididos em "orientações", "dicas" e "encontrar uma unidade de saúde".

Na primeira seção, há recomendações detalhadas. Para casos com "baixa probabilidade" de infecção, por exemplo, é indicado a lavagem constante das mãos, não compartilhar copos e recipientes, entre outras orientações básicas.

Na segunda, a plataforma fornece dicas para atenuar possíveis sintomas da doença, isso quando o usuário ainda é orientado a se tratar em casa - neste caso os exemplos variam de descanso à alimentação equilibrada. Já o último tópico identifica uma Unidade Básica de Saúde mais próxima por meio do Google Maps.

Vale frisar que os testes do enfermeiro virtual não são diagnósticos para a doença. Portanto, não se deve utilizar medicamentos sem orientação médica.

Fonte: olhardigital