Plantão

Robôs que emitem luz UV serão usados na China para desinfetar hospitais



Agora que a China parece ter a infecção por coronavírus controlada em seu território, uma das maiores preocupações é a limpeza das mais diversas áreas. Uma das novidades recentes por lá é o uso de robôs para desinfetar alas hospitalares.

A primeira etapa da limpeza é feita por humanos. Depois, vem o robô. O equipamento emite luz UV concentrada que é capaz de matar bactérias, microrganismos e vírus. Na China, mais de 2 mil hospitais devem utilizar a tecnologia.

O robô não é novo: foi desenvolvido em 2014 pela dinamarquesa UVD Robots para atender hospitais locais que buscavam um modo mais eficaz de reduzir os índices de infecção hospitalar. Desde 2018, ele é vendido globalmente e já está disponível em 40 países.

Per Juul Nielsen, executivo-chefe da UVD Robots, diz que a demanda aumentou muito recentemente. “Muitas unidades foram enviadas para a China, especialmente para Wuhan.” Segundo ele, outros países da Ásia e da Europa também têm procurado a solução. Um dos mais atingidos atualmente, a Itália, lidera a lista.

Fonte: olhardigital