Propaganda

Após invasão de ladrão em live, sertanejo vê carreira deslanchar na web



Foi um verdadeiro susto para quem estava acompanhando a live do cantor paraense Brunno Souza, há alguns dias, quando, enquanto cantava e tocava seu violão, um ladrão invadiu a casa do sertanejo. Apesar do desespero, houve um reflexo positivo: o artista tem crescido e muito nas redes sociais.

Só na última segunda-feira (4), ele ampliou em quase 70% o número de seguidores. “Males que vem para o bem, né? Espero que fiquem pela música também“, disse ele em entrevista ao Jornal Extra. Bruno, que já bateu a marca de 19 mil seguidores no Instagram, garantiu ainda que a família está “um pouco assustada com a repercussão“.

Para comemorar o feito, ele já promete uma nova transmissão ao vivo.”Sem bandido dessa vez“, garante.

Pouco depois da invasão, o cantor filmou o assaltante amarrado, após ser imobilizado por ele e um amigo. A Polícia chegou alguns minutos depois e um boletim de ocorrência foi registrado. Alguns fãs questionaram onde ele teria aprendido a imobilizar tão bem e até apontaram que o criminoso deveria morrer, o que foi rechaçado por Brunno.

“Nem eu sei quem ensinou a dar o nó! Chamar a Polícia era o certo a se fazer. Não temos esse direito (de matar alguém). Só amarramos para dar tempo da Polícia chegar e tomar medidas cabíveis” justificou.

Sobre sua reação diante da invasão, Brunno fez um alerta. “Não é recomendado reagir a assalto. Fizemos na adrenalina. Não é certo. Se ele estivesse armado, o final teria sido diferente. Foi uma exceção, tinha um bebê de um ano no quarto“, disse no Instagram.

Fonte: rd1