Propaganda

Elon Musk é representado em estátua de 22 metros nos EUA



Ícone da cidade de Tulsa, no estado de Oklahoma (EUA), a estátua Golden Driller ganhou um visual inusitado na última quarta-feira (20).

A escultura de 22 metros se tornou uma representação do CEO da Tesla, Elon Musk, com um enorme brasão vermelho da montadora estampado no peito. O cinto da estátua que antes carregava o nome da cidade, agora apresenta o nome da fabricante de carros elétricos.

A ação foi realizada por duas organizações de entusiastas da Tesla: O Tesla Owners Club of Oklahoma e a Tulsa for Tesla. De acordo com o site The Driver, a finalidade da intervenção é promover a marca da montadora de Elon Musk e expressar apoio à candidatura de Tulsa para receber uma nova fábrica da companhia.

No início de maio, Musk anunciou durante a conferência dos resultados financeiros da Tesla no primeiro trimestre de 2020, que a empresa procura ativamente um local para instituir sua unidade de produção da picape Cybertruck. Alguns rumores indicam que a montadora avalia a cidade de Tulsa e Austin, no Texas. Para atrair a Tesla, o prefeito de Tulsa já chegou a prometer que incluiria a Cybertruck entre os veículos usados pela polícia local.

Tesla pode deixar a Califórnia

A campanha para convencer a Tesla a produzir veículos em Tulsa ganhou novos contornos depois que Elon Musk expressou, no Twitter, a intenção de transferir a fábrica de Fremont, na Califórnia, para outra cidade.

O empresário entrou em conflito com o distrito de Alameda County, após autoridades vetarem a retomada das atividades nas instalações da montadora em função das medidas de isolamento social. A Tesla chegou a protocolar um processo judicial contra o distrito, mas retirou a ação nesta semana.

As publicações de Elon Musk mencionam uma possível transferência da unidade de produção para o Texas ou Nevada. Segundo o The Driver, o episódio reforça que Austin (Texas) pode ser a favorita a receber a nova fábrica da Tesla.

Fonte: olhardigital