Propaganda

Curado do coronavírus, Mateus Carrieri confessa que teve medo de morrer



Curado recentemente do Covid-19, Mateus Carrieri desabafou à revista Quem sobre os momentos de tensão que viveu durante o tratamento. O ator confessou que teve muito medo de morrer da doença que já vitimou mais de 50 mil pessoas no Brasil.

“Já tive gripes muito piores, já trabalhei com febres altas. [Mas] Antes, quando a gente tinha gripe, a gente não tinha medo de morrer. Esse é o problema da Covid”, afirmou ele.

O galã dos anos 90 descobriu ter contraído o coronavírus após apresentar sintomas como uma leve conjuntivite, diarreia e dor de garganta. “Fui ao ponto socorro, fiz o teste e deu positivo. Consegui me tratar em casa e fui melhorando. É muito ruim ficar isolado, dá medo, e a cabeça começa a dar uma viajada”, relatou o famoso que não sabe precisar quando teve contato com o vírus.

O artista ainda contou detalhes da rotina da quarentena, que durou 20 dias. “Meu filho me trazia comida. Tive sintomas leves, mas estou zerado. Não é fácil, não. Agora, graças a Deus, está tudo bem, tudo zerado”, comemorou ele.

Passado o susto, o veterano tem feito compras no supermercado para que seu pai não se exponha ao vírus. Ele também tem feito exercícios físicos na rua sempre sozinho, e tomando todos os cuidados para proteção.

Agora, Mateus Carrieri espera para retomar aos trabalhos, com a volta das peças de teatro. “Estou esperando e um pouco chocado com as notícias do Brasil. É triste a forma como o Brasil está encarando esse problema todo. É decepcionante”, lamentou.

Fonte: rd1