Header Ads

Aviões da Airbus poderão voar em formação como pássaros



A empresa aeroespacial Airbus está estudando como que voos em formação - como um bando de gansos voando rumo à migração - podem fazer com que seus aviões economizem combustível. A pesquisa é da incubadora Airbus UpNext, que tem investigado as eficiências aerodinâmicas de se voar em formação.

Ainda que se fale em formação, Sandra Bour Schaeffer, CEO da Airbus UpNext, explicou que não é da forma tradicional como a maioria deve imaginar. "É muito, muito diferente do que os militares chamariam de voo em formação", contou Schaeffer. "Não tem nada a ver com formação fechada."

Para ter uma noção real da ideia, a UpNext planeja alçar, por enquanto, voo com dois aviões de passageiros como parte de um projeto de demonstração de "fello’fly", que pode ser traduzido para o português como "voo parceiro". A Airbus está tão empenhada em tirar esse projeto do papel que já está fazendo os testes iniciais com dois aviões A350 desde março deste ano.

A teoria é que, ao voarem perto uns dos outros, cada avião - ou pássaro - se beneficia do rastro deixado pelo objeto próximo. Assim, a ponta das asas de cada avião cria um vórtice que pode fornecer sustentação para o que vem atrás.

Fonte: olhardigital
Tecnologia do Blogger.